quinta-feira, 2 de agosto de 2012


enlatado nas latadas da vida
sinto um frio na espinha
as vezes pareço até uma sardinha de molho 
nesse ônibus apertado que é a vida

Nenhum comentário:

Postar um comentário